Campeã em 2016, o time de vôlei feminino do Instituto Educacional Integral, de Uberlândia, tentará defender seu título neste ano. (Foto: Mirtes França/Arquivo Pessoal)

Chegou a hora de conhecermos quem serão os representantes de Minas Gerais nos Jogos Escolares da Juventude (JEJ) e nas Paralimpíadas Escolares. A partir desta terça-feira (1º), em Uberaba, no Território Triângulo Sul, será disputada a etapa Estadual dos Jogos Escolares de Minas Gerais (JEMG), que classificará os campeões de cada modalidade para as etapas nacionais. A cerimônia de abertura acontece às 20h, no Centro Olímpico – Avenida Randolfo Borges Júnior, 3480, bairro Univerdecidade.

Organizada pela Secretaria de Estado de Esportes (SEESP), a competição que vai até o próximo sábado (5), terá a participação de aproximadamente 5.500 alunos-atletas, de 762 escolas, de 258 municípios diferentes. Eles vão competir nas modalidades de atletismo, atletismo PCD, badminton, basquete, bocha, ciclismo, futsal, ginástica artística, ginástica de trampolim, goalball, handebol, judô, natação, natação PCD, peteca, tênis de mesa, tênis de mesa PCD, voleibol, vôlei de praia e xadrez, nos naipes masculino e feminino. Os Jogos acontecem em dois módulos. Módulo I, com alunos de 12 a 14 anos e módulo II, de 15 a 17 anos.

Clique aqui para conferir a tabela de jogos das modalidades coletivas e o cronograma das competições individuais.

Para o secretário de Estado de Esportes, Arnaldo Gontijo, que participará da solenidade de abertura da etapa, pontua que essa é uma grande oportunidade de assistir uma competição de alto nível. “É a hora de conhecermos quem serão nossos representantes nos Jogos Escolares da Juventude e nas Paralimpíadas Escolares. Por isso, a expectativa é para partidas e provas de alto nível, uma vez que estarão competindo as melhores equipes e os melhores atletas do nosso estado. Além disso, é também uma grande oportunidade para, quem sabe, acompanhar o nascimento de uma nova estrela do esporte brasileiro e mundial”, destaca. Também acompanhará o evento de abertura o secretário de Estado Adjunto de Esportes, Ricardo Sapi.

Quem também não vê a hora da competição começar é o secretário Municipal de Esportes de Uberaba, Luiz Alberto Medina. “Nosso objetivo como cidade sede dessa etapa do JEMG é enriquecer cada vez mais a cultura esportiva na cidade. Por isso, nos preparamos desde o início do ano e temos certeza que vamos proporcionar a melhor experiência tanto para os competidores, quanto para quem for aos locais de competição para acompanhar as partidas”, garante.

Luiz comenta ainda que além do esporte, vários outros setores da cidade também se beneficiam com a realização da etapa Estadual do JEMG em Uberaba. “Uma competição que reúne mais de 5 mil competidores, movimenta todo o mercado local. Além dos atletas, familiares se deslocam para acompanhar, enchendo hotéis, restaurantes, entre vários outros serviços que também acabam sendo impactados diretamente pela competição. Além disso, o fato de ser a principal competição do calendário traz o foco da mídia para a cidade”, conclui.

Rivalidades
Para as disputas, algumas modalidades acabam gerando uma expectativa maior que outras. Este é o caso do vôlei feminino do módulo II. Sempre equilibrada a competição deste ano promete esquentar, já que logo na primeira rodada terá a partida entre a Escola Estadual Deputado Domingos Figueiredo, de Varginha, e o Instituto Educacional Integral, de Uberlândia, uma das maiores rivalidades dos últimos anos, no JEMG. A partida está marcada para às 16h, da próxima terça-feira, no Clube Sesi.

Atual campeã da competição, a equipe do triângulo espera defender seu título para ir novamente em busca do título nacional – no ano passado a escola terminou em 4º lugar no JEJ. “Sabemos que a competição deste ano será muito mais complicada que no ano passado. Primeiro porque temos um time muito jovem, com apenas uma atleta remanescente da equipe campeã no ano passado. Além disso, caímos em uma chave muito complicada, juntamente com o time de Varginha, as donas da casa (Colégio Nossa Senhora das Dores) e o time de Belo Horizonte (Colégio Metodista Izabela Hendrix), que normalmente é um dos mais fortes”, alerta a técnica da equipe, Mirtes França.

Individuais
Já nas modalidades individuais, o xadrez feminino, no módulo I, também promete uma disputa muito equilibrada. E a grande favorita para a conquista é a peruana Eymi Priscila Berrios Montufar, do Colégio Gabarito, de Uberlândia. Campeã em 2016, ela que começou a praticar o xadrez com apenas 5 anos, quer repetir o feito novamente neste ano.

“Treinei bastante durante o primeiro semestre e consegui avançar bem na fase regional. Acredito que independente da adversária, a vitória só depende de mim. Porém, é preciso manter a concentração do início ao fim de cada partida, para evitar surpresas”, conta a atleta.

Próxima etapa
Considerada a seletiva estadual, a etapa Estadual do JEMG classifica os campeões para representarem Minas Gerais nos Jogos Escolares da Juventude e Paralimpíadas Escolares, eventos realizados, respectivamente, pelo Comitê Olímpico do Brasil (COB) e Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB).

Neste ano, o JEJ acontecerá em Curitiba (PR), de 12 a 21 de setembro, para alunos-atletas de 12 a 14 anos, e em Brasília (DF), de 16 a 25 de novembro, para aqueles que têm entre 15 e 17 anos. Já as Paralimpíadas Escolares serão realizadas em São Paulo (SP), de 20 a 25 de novembro.

JEMG
O JEMG, maior e mais importante programa esportivo-educacional do Estado, é uma ferramenta pedagógica que valoriza a prática do desporto e a construção da cidadania de alunos-atletas entre 12 e 17 anos. Realizado pelo Governo de Minas Gerais, por meio da Secretaria de Estado de Esportes (SEESP), em parceria com a Secretaria de Estado de Educação (SEE), o evento teve, neste ano, número recorde de cidades inscritas: foram 830. Ou seja, 97% dos municípios mineiros participaram das disputas.

Saiba mais
Regional Sul define os últimos classificados para a fase Estadual do JEMG
Com a presença do secretário Arnaldo Gontijo, Arcos celebra início da fase regional do JEMG
Etapa Regional do JEMG começa nesta terça-feira (11) em quatro cidades
Peteca e vôlei de praia estarão na fase Regional do JEMG
Alunos-atletas do JEMG aprendem valores do esporte para dentro e fora das quadras
Alunos-atletas do JEMG combatem o sedentarismo e são ativos nos exercícios físicos
Alunos-atletas que disputaram o JEMG participam de grandes competições nacionais
Famílias incentivam a participação de alunos-atletas no JEMG
Com 830 municípios, JEMG tem recorde de inscritos