O Governo do Estado de Minas está mobilizando gestores municipais, promotores de eventos, instituições de educação, clubes, federações esportivas e outras entidades para participarem da Virada Esportiva, programada pela Secretaria de Estado de Esportes (SEESP) para a semana de 10 a 17 de novembro.

Segundo o secretário de Estado de Esportes em exercício, Ricardo Sapi, lançar a iniciativa com bastante antecedência é uma estratégia para garantir que mais eventos possam ser transferidos para a programação. “Querer levar a nossa primeira Virada para todo o estado é um grande desafio, dada a extensão territorial de Minas, por isso, o planejamento é tão importante. Nossa meta é fomentar o maior evento colaborativo esportivo não somente do Estado, como do país”, comenta Sapi. Ele explica que, embora o conceito de virada não seja novo, a proposta é levar as atividades simultâneas em um número maior de cidades.

Cidades ativas

Segundo estudo da Organização das Nações Unidas (ONU), a cada dólar investido em esporte, um governo poderia economizar US$ 3,2 em gastos com saúde. O relatório mostra o papel do esporte de uma forma mais ampla para o desenvolvimento, a paz e a qualidade de vida. Essa é a proposta da Virada Esportiva, segundo o secretário: tornar a cidade mais ativa por meio do esporte. “Queremos promover a interação da população com os espaços públicos, favorecer as relações sociais e mostrar que atividade física é sim uma grande agenda de lazer”, defende.

A Virada Esportiva de Minas Gerais é um movimento colaborativo porque programações promovidas por diferentes realizadores poderão aderir ao selo do evento. Além de competições e atividades recreativas, a SEESP tem a expectativa de também despertar a discussão sobre o papel do esporte entre acadêmicos e profissionais da área médica, por isso, também farão parte da Virada cursos, oficinas e seminários.

A plataforma para a divulgação da programação será o portal Observatório do Esporte, um canal de comunicação revitalizado pela secretaria em 2017, com a finalidade de promover o diálogo e as iniciativas entre agentes dos setores público, privado e sociedade civil para o fomento do esporte e da prática da atividade física.

Como participar

Os parceiros interessados em aderir à Virada Esportiva deverão preencher um cadastro de informações do evento na sessão “programe-se” no site do Observatório do Esporte: observatoriodoesporte.mg.gov.br. As prefeituras que aderirem à ideia poderão reunir suas atividades esportivas e cadastrá-las também no sistema do ICMS Esportivo, aumentando sua pontuação para receber o benefício que consiste no repasse de 0,1% da cota parte do ICMS do Estado aos municípios.

As informações compartilhadas serão de inteira responsabilidade dos parceiros cadastrados e toda a população poderá acompanhar no Observatório do Esporte, de forma democrática, a programação do movimento.